Aplicação lipoquímica como reciclagem do resíduo de óleo de frituras de unidades de alimentação e nutrição

Flávia Alessandra Silva Botaro, Vera Lúcia de Miranda Guarda, Raquel Damas Soares, Orlando David Henrique dos Santos

Resumo


Ao contrário da grande maioria dos resíduos, os óleos exauridos, tanto de origem vegetal quanto animal (gorduras), possuem valor econômico positivo, pela possibilidade de serem bem aproveitados. Entretanto, a maior parte desse resíduo é descartada na rede de esgoto, o que é considerado um crime ambiental. O sabão é uma das possibilidades de reciclagem dos óleos de fritura mais eficazes e de fácil acesso à comunidade. O aumento crescente da produção de sabões é recíproco à pesquisa tecnológica que permite o desenvolvimento de novas fórmulas, mais eficientes e atrativas para o consumidor. Assim, foram testadas preliminarmente duas formulações básicas, uma em presença de sebo animal e outra na ausência, com a escolha da formulação básica seguiu-se o aprimoramento das formulações com correção do potencial hidrogeniônico (pH) acrescentando-se a cada nova formulação os seguintes ácidos: acético, esteárico e sulfônico. As medidas de pH e índice de espuma também foram avaliadas e a análise de custo de produção baseada na melhor formulação também foi verificada. Uma amostra de sabão comercial foi avaliada em paralelo. A formulação base definida foi a em presença de sebo animal, por viabilidade e pH monitorados. Com o aprimoramento a partir da adição de ácidos para a correção do pH, a melhor formulação foi a com adição de ácido sulfônico, com pH de 10,25, muito próximo ao pH do sabão comercial, que ficou em 10,05. Para o índice de espuma, o valor encontrado para o sabão com ácido sulfônico foi o maior entre as formulações, porém se mostrou muito abaixo do valor encontrado para o sabão comercial, no qual pode ter havido adição de compostos para estimular esse índice. Verificada a análise de custo, esta formulação ideal apresentou o valor de R$1,25 por quilo, muito abaixo do valor do sabão comercial, que se encontra a R$5,00 por quilo na região de Ouro Preto (MG). Portanto, a formulação definida é uma forma de minimização do óleo de fritura em descarte e todos os esforços precisam ser efetuados para que esses óleos não sejam descartados indevidamente, gerando um problema ambiental.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2447-8091