FABRICAÇÃO DE SABÃO: UMA FORMA DE CONSCIENTIZAÇÃO, GERAÇÃO DE RENDA E INCLUSÃO SOCIAL

Letieri Fernandes Pessoa, Meiry Edivirges Alvarenga, Rodrigo Chaves Amaro, Ângela Leão Andrade

Resumo


A partir da década de 1990, a economia solidária ganhou força no Brasil, resgatando valores como o apoio mútuo, a responsabilidade, a igualdade, a equidade e a solidariedade. O presente projeto teve por objetivo utilizar as bases da economia solidária para promover a educação ambiental e o desenvolvimento de mulheres carentes. Inicialmente, o projeto foi realizado em Ouro Preto e, posteriormente, em Antônio Pereira, distrito de Ouro Preto, Minas Gerais, sendo executado com mulheres que se encontravam excluídas do mercado de trabalho e teve como objetivo ensinar a fabricação de sabão a partir de óleo usado, valorizando os conhecimentos prévios das mulheres, a fim de se obter um aumento da renda, da autoestima e da qualidade de vida das participantes e de suas famílias. Para alcançar esses objetivos, professores da Universidade Federal de Ouro Preto treinaram alunos para que dessem cursos profissionalizantes e acompanhamento técnico. O crescimento foi mútuo, a começar pelos professores que passaram a trabalhar com demandas reais da comunidade, seguido dos alunos que, além de aprenderem sobre temas variados, deviam transmiti-los a pessoas com baixa escolaridade e, por fim, a comunidade, que aprendia teorias científicas e ensinavam observações práticas. Como resultado, as mulheres que participaram do projeto de Antônio Pereira conseguiram construir um arranjo produtivo de sabão artesanal onde se tem atualmente integração social, ambiental, financeiro e operacional íntegro e consistente.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2447-8091