A DEFESA MILLIANA DA LIBERDADE DE EXPRESSÃO

Gustavo Hessman Dalaqua

Resumo


Neste artigo, apresentaremos a defesa da liberdade de expressão empreendida por John Stuart Mill em seu ensaio On liberty. Seguindo a divisão original da defesa, separaremos nossa apresentação em três partes. Na primeira, veremos que Mill fundamenta sua doutrina política da liberdade na doutrina epistemológica do falibilismo. Na segunda, explicaremos porque toda opinião, independentemente de sua verdade, deve ser ouvida. Na terceira, ressaltaremos, em oposição a Williams, que a defesa milliana da liberdade de expressão não se confunde com permissividade irrestrita; liberdade de expressão não significa poder falar tudo.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.