CIDADANIA DIGITAL: DIREITOS, DEVERES, LIDES CIBERNÉTICAS E RESPONSABILIDADE CIVIL NO ORDENAMENTO JURÍDICO BRASILEIRO

Danilo Henrique Nunes, Lucas de Souza Lehfeld

Resumo


A Internet é hoje a mais poderosa ferramenta de comunicação, pesquisa e entretenimento utilizada pela humanidade em uma escala global. Entretanto, o comportamento individual e coletivo das pessoas na internet em muito se diferente da conduta social comum de tais pessoas, o que não significa necessariamente que a internet é tida como “terra de ninguém”, isentando as pessoas de uma conduta adequada nos espaços digitais. Dentro desse contexto emerge o conceito da Cidadania Digital, correspondente ao uso das inovações tecnológicas de modo adequado, estabelecendo uma série de quesitos condizentes com o comportamento dos usuários e o uso em caráter geral da internet e de outras plataformas digitais. O presente artigo científico busca aprofundar conhecimentos acerca da Cidadania Digital, passando por questões jurídicas como os Direitos e Deveres, as lides decorrentes da via digital e as questões envolvendo a responsabilidade civil dos usuários, correlacionando o ordenamento jurídico pátrio e o conceito da cidadania digital.

Referências


BITTAR, Carlos Alberto. Reparação civil por danos morais. 3ª ed. São Paulo: Revista dos Tribunais, 1998.

BRAGA, D.M; BRAGA, M.M; ROVER, A.J. Responsabilidade Civil das Redes Sociais no Direito Brasileiro. SID, 2011. Disponível em < http://www.egov.ufsc.br/portal/sites/default/files/aires_braga.pdf> Acesso: Fev/2018.

CASSANTI, M.D.O. Crimes Virtuais, Vítimas Reais. Rio de Janeiro; Brasport, 2014.

CASTELLS, M. A galáxia da Internet. Jorge Zahar Editor, 2003.

GAGLIANO, P.B; PAMPLONA FILHO, R. Novo curso de direito civil. 4ª ed. São Paulo: Saraiva, 2006.

GENTILLI, V. O conceito de cidadania, origens históricas e bases conceituais: os vínculos com a Comunicação. Revista FAMECOS • Porto Alegre • nº 19 • dezembro 2002.

GUERRA, A.D.M et al. (coords.) Responsabilidade Civil. Sã oPaulo: Escola Paulista de Magistratura, 2015.

LEMOS, A. Cibercultura: tecnologia e vida social na vida contemporânea. Editoria Sulina, 2007

MATTOS, P.F. Responsabilidade civil: dever jurídico fundamental. São Paulo: Saraiva, 2012. DE PLÁCIDO E SILVA. Vocabulário Jurídico. RJ: Forense, 2008.

NEVES, B.B. Cidadania Digital? Das cidades digitais a Barack Obama. Uma abordagem crítica. Rev. Cidadania Digital, 143-188 Junho de 2010. Disponível em <> Acesso: Fev/2018.

PATROCINIO, T. Educação e Cidadania glocal. In L. B. Gouveia, Cidades e Regiões Digitais: Impacte nas cidades e nas pessoas (pp. 15- 40). Porto: Fundação Fernando Pessoa, 2003.

RIBBLE, M. Digital Citizenship in Schools. 2010. Disponível em: Acesso: Fev/2018.

SAMPAIO, R.M.C. Direito Civil: responsabilidade civil. 3 ed.São Paulo: Atlas, 2003.

SANTOS, L.R; MARTINS, L.B; TYBUSCH, F.B.A. Os Crimes Cibernéticos E O Direito A Segurança Jurídica: Uma Análise Da Legislação Vigente No Cenário Brasileiro Contemporâneo. 4º Congresso Internacional de Direito e Contemporaneidade, 8 a 10 de novembro de 2017, Santa Maria/RS.

SEBASTIÃO, S; PACHECO, A; SANTOS, M. Cidadania Digital e Participação Política: O Caso das Petições Online e do Orçamento Participativo. Estudos em Comunicação nº 11, 31-51 Maio de 2012.

TRENTIN, T.R.D; TRENTIN, S.S. Internet: Publicações Ofensivas Em Redes Sociais E O Direito À Indenização Por Danos Morais. REDESG / Revista Direitos Emergentes na Sociedade Global – www.ufsm.br/redesg v. 1, n. 1, jan.jun/2012

VARGAS, M. História da técnica e da tecnologia no Brasil. São Paulo, UNESP/CEETEPS, 1995.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Libertas: Revista de Pesquisa em Direito

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Libertas - Revista de Pesquisa em Direito da UFOP. Qualis B1

Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP)

ISSN: 2319-0159


Conheça nossos indexadores: