Rousseau, a festa coletiva e o teatro

Maria Constança Peres Pissarra

Resumo


Tal como para seus opositores – les philosophes – o teatro é para Jean-Jacques Rousseau uma constante preocupação reflexiva. Como sabemos, escreveu algumas óperas e algumas comédias. No entanto, também conhecemos a posição ambígua de Rousseau no mundo das letras do século XVIII; embora, nos primeiros anos em Paris, tenha sido amigo dos filósofos, com o passar do tempo ele mesmo foi se considerando cada vez mais um excluído desse meio, por suas ideias.


Palavras-chave


Rousseau, Festa Popular, Teatro

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Artefilosofia

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

ArteFilosofia - Publicação Semestral

Revista de Estética e Filosofia da Arte do Programa de Pós-graduação em Filosofia - UFOP

ISSN: 2526-7892 (on-line)

ISSN: 1809-8274 (impresso)

Qualis CAPES: B1 (Filosofia)

Endereço de contato: artefilosofia.defil@ufop.edu.br 

ArteFilosofia – Biannual Journal

Journal of Aesthetic and Philosophy of Art. Graduation Program on  Philosophy – UFOP

ISSN: 2526-7892 (on-line)

ISSN: 1809-8274  (print)

Qualis CAPES: B1 (Philosophy)

Contact: artefilosofia.defil@ufop.edu.br